Redes Sociais

Governo de SC notifica Veigamed e pede ressarcimento dos R$ 33 milhões

O valor foi pago por 200 respiradores pulmonares em 2020 que nunca chegaram ao Estado

Foto: RCN/Divulgação/Folha Regional

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) intimou e notificou na sexta-feira, dia 30, a empresa Veigamed pedindo a devolução dos R$ 33 milhões pagos pelos 200 respiradores pulmonares em 2020 que nunca chegaram ao Estado.

Contratada em caráter emergencial, em março do ano passado, por R$ 33 milhões, a empresa entregou apenas 50 dos aparelhos contratados. Segundo os órgãos público de controle, os aparelhos não atendiam às especificações técnicas definidas em contrato.

A notificação ocorreu por edital, já que o Estado não consegue notificar diretamente a empresa.

Segundo a SES, não há respostas às correspondências enviadas. O mesmo tem acontecido com outros órgãos que buscam informações da empresa.

A ação faz parte da iniciativa do Executivo para recuperar os recursos. A pasta também suspendeu a empresa e aplicou multa de 10% do valor do contrato. Em outro flanco, a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) pediu à Justiça o bloqueio de recursos de empresas que receberam pagamentos da Veigamed após o depósito dos R$ 33 milhões.

A ação judicial tramita na 1ª instância de Florianópolis e está em andamento. Quase R$ 14 milhões estão bloqueados pela Justiça a fim de garantir o ressarcimento ao erário. 



Banner-Jornais-Unidos-Pela-Vacina-180-x-210-px.png


logo.jpg

Endereço: Rua José João Constantino Fernandes, 131, São Clemente - Tubarão/SC – CEP: 88706091 – (48) 9 9142-6807 - jornalfolharegional@gmail.com