Redes Sociais

Coronavirus: O que as pessoas estão fazendo para ajudar o próximo

A pandemia do Coronavirus mudou a rotina das pessoas, no entanto, muitas famílias fazem o que podem, mesmo sem sair de casa, na tentativa de levar conforto para outras famílias.

REDAÇÃO FOLHA REGIONAL

Em Sangão, o casal do Cursilho de Cristandade, Gilvani Freccia e Márcia Regina Freccia, reza o terço diariamente pela internet, levando os internautas a reflexões. O trabalho segue uma programação de integrantes da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto, que se colocaram à disposição para ajudar a levar uma mensagem; cada integrante tem um determinado horário. Gilvani e Marcia tem rezado o terço todos os dias, às 15 horas. A quantia de mensagens enviadas por internautas chamou atenção de nossa equipe, que também foi contemplada com pedidos de oração. "O padre Pedro Damazio aqui de Sangão nos fez um pedido para que, enquanto estivéssemos em quarentena, que fizéssemos algumas orações, então foram distribuídos três horários. "Nós até não tínhamos o costume de fazer live, mas agora, diante da situação, meio que improvisado, começamos". Gilvani destaca que todos os integrantes procuram ajudar da sua maneira. Todos os dias às 07 horas tem o Terço do Sagrado Coração de Jesus, que é rezado pela Camila Barreto. Às 15 horas é o Terço da Misericórdia, com o casal Givani e Márcia e às 18 horas tem ainda o Terço Mariano, por Fábio e Dinara, e todos são compartilhados pelo Facebook da Pascom da paróquia.  

Lucia Souza é professora de música. Com a paralização das aulas, ela e o esposo Márcio Pereira procuram ocupar o tempo de todas as formas em casa, com as filhas. O casal faz parte do Movimento de Irmãos e, além de ocupar o tempo em casa com as filhas, buscam fazer reflexões pelo transmitidas Facebook. "Procuramos envolver o tempo em casa com alguma coisa de útil para nós e para as pessoas que nos acompanham pelas redes sociais, e a música tem sido uma opção que a gente faz com alegria". Lucia tem duas filhas pequenas e envolve as meninas com atividades durante o dia. ""Hoje a gente mora em apartamento e como não temos nada para fazer nada na rua, a gente canta, pula e brinca com elas, o tempo todo elas estão presentes em nossas atividades durante o dia", observa.

Em tempos de quarentena, continuar fazendo atividade físicas se torna um desafio. Com as academias fechadas e com a orientação de permanecer em casa, é preciso boa motivação para não continuar movimentando o corpo. Para dar uma força, o personal trainer, Jonas Boaventura e esposa Janaina Silvano, entraram ao vivo pelo Instagram na noite de ontem, terça-feira, 24, buscando incentivar as pessoas a fazer atividades físicas em casa. "Continuar movimentando o corpo é importante para se manter uma boa saúde, mesmo em casa", diz o Jonas. A princípio, o objetivo do professor foi realizar uma aula, mas que pode se estender por mais dias. "A gente não sabe ainda como vai ficar tudo isto que estamos passando, mas o objetivo, neste momento, é de fazer uma aula de 30 minutos, depois vamos estudar como vamos fazer".



















marcelo-site-ok.png
web-tv-ok-para-o-site.png

Rua Apóstolo João Evangelista, 211 – Loteamento Parque dos Pássaros – Riachinho- Jaguaruna – SC – CEP 88715-000 – (48) 3624-1489