Redes Sociais

Talento fumacense é hoje sinônimo de alegria em diversos eventos

20 Dezembro 2010 21:49:00

Tudo começou em 1997, quando Diego ganhou de presente de Natal dos pais sua primeira guitarra. Com a influência dos irmãos mais velhos, que sempre foram apaixonados por musica e tocavam em bandas locais, em pouco tempo ele apresentou facilidades para tocar o instrumento.

Diego Damazio
Foto: Diego Damazio

Autodidata, o jovem ingressou no ano 2000 como guitarrista na Banda Eutanásia, a qual tocava Rock 'N Roll, e era formada por amigos da cidade, inclusive seu irmão Givago. Depois disso, vieram muitos outros desafios em bandas da região com ritmos diversificados. Percebendo a evolução musical, e incentivado por amigos e familiares, Diego começou a tocar sozinho em bares e festas pela região, nos dias em que não estava com a banda. Sentindo que o seu som agradava o público, decidiu então seguir carreira solo, conseguindo tocar nos principais pontos da região, sendo que hoje é referência musical nos lugares onde passa.

Mas para chegar ao atual status, o jovem fumacense enfrentou muitos desafios. Ele, que sempre teve um estilo pop rock de ser, passou por três grandes bandas de gaúchos da região, grupos de pagode e ainda as variáveis Classe A e Stylus de Criciúma, onde era guitarrista e vocalista. Ali ele passou a ter maior aptidão por cantar. “Até então eu cantava muito pouco, mas essas bandas me incentivaram e desde então não parei mais”, lembra o músico, que após deixar a Classe A, sua última banda, iniciou de vez a carreira solo tocando em bares, shoppings, aniversários, casamentos e diversos eventos nos municípios vizinhos a Morro da Fumaça. “Todas as bandas que passei me deram bastante experiência para tentar esse novo desafio. Felizmente me sinto bastante realizado com essa escolha que tem me oportunizado tocar quase todos os dias da semana”, completa.

Como o projeto solo deu certo, Diego não pensou duas vezes e convidou alguns músicos da região para que pudessem formar a sua banda. Musicalmente a evolução do jovem foi tamanha, que hoje são poucos os momentos de folga. Quando não está fazendo apresentações, ele ainda é contratado por bares e shoppings de grande movimento. “As experiências que tive me permitiram conhecer muitos ritmos e transformar isso num trabalho. Hoje as oportunidades estão aparecendo, mas o trabalho é intenso para que cada vez mais isso aconteça”, destaca.

 A Banda

O projeto Diego Damazio e Banda está rendendo ao fumacense a oportunidade de gravar algumas músicas de sua autoria, que dentre em breve deverão estar tocando nas rádios da região. Agitando as festas por onde passa e contagiando, não só com a mistura de ritmos, mas também com a boa presença de palco, a aceitação em baladas e eventos consagrados em todo sul tem sido positiva. “As portas estão se abrindo graças as Deus, e tenho a consciência de que não sou nem um músico extraordinário e sei que ainda tenho muito para aprender e melhorar”, ressalta Diego. “Mas para aquilo que eu me propus a fazer, que é levar alegria por onde passo, acredito que esse é o caminho certo”, finaliza.

Algumas das músicas já gravadas por Diego podem ser conferidas no site www.diegodamazio.com.br, onde tem ainda vídeos, fotos e a agenda completa. Além deste canal de comunicação, quem desejar contratar o músico com voz e violão ou a banda completa, para qualquer evento, pode entrar em contato pelo telefone (48) 9615-4263.

Fonte: Fernando Militão/ Foco Comunicação/ Morro da Fumaça

 

Imagens

















marcelo-site-ok.png
web-tv-ok-para-o-site.png

Rua Apóstolo João Evangelista, 211 – Loteamento Parque dos Pássaros – Riachinho- Jaguaruna – SC – CEP 88715-000 – (48) 3624-1489