Redes Sociais

Agricultor aposta na produção de mel como incremento de renda

Da cultura convencional do plantio da raiz de mandioca para a produção de mel. Jailson José Tomaz é proprietário de uma pequena propriedade de 15 hectares no município de Sangão.

REDAÇÃO FOLHA REGIONAL

"Sempre gostei da lavoura e consegui adquirir a propriedade através do crédito fundiário". A produção de mel veio através do incentivo de um amigo de outra cidade. "Eu já gostava de trabalhar com as abelhas, quando podia, já mexia com o mel na colmeia ainda quando era garoto e foi com o incentivo de um amigo que já trabalha com a produção, que passei a apostar neste trabalho como fonte de renda", conta o agricultor.  

Para Jailson é possível conciliar o trabalho com a produção de mel e outras culturas na propriedade. "Quando a lavoura de mandioca já está em fase final, eu consigo aproveitar o meu tempo disponível para cuidar da safra do mel". O agricultor afirma que a produção já começa a ser significativa para a renda da família. Este ano a produção rendeu mais de 1.300 quilos. A boa qualidade torna o produto muito procurado para o consumo. A principal comercialização é feita na feira do produtor, através da Agrisan - Associação dos Agricultores de Sangão. "É muito gratificante porque é um produto muito bom de se vender, a comercialização é fácil, algo natural".

A busca pelo aperfeiçoamento, bem como o aumento na produção, já faz parte dos planos do agricultor. "Eu trabalho com minha esposa e vamos construir uma estrutura para melhorar a produção, atualmente feita de forma artesanal". O mel produzido pelo agricultor é puro e sem nenhum produto químico. Jailson comercializa a 20 reais o quilo.

Sangão possui outros produtores do gênero, com produção até maior do que a do Jailson, mas no geral, em termo de produtividade, o município ainda possui uma produção relativamente pequena. O engenheiro Marco Remor, da Secretaria da Agricultura de Sangão avalia que a cultura do Mel contribui com a diversificação da renda na agricultura. "O bom da produção do mel é que o agricultor consegue conciliar com outras culturas", pontua.


Imagens

















carvalho.png

marcelo-site-ok.png
web-tv-ok-para-o-site.png

Rua Apóstolo João Evangelista, 211 – Loteamento Parque dos Pássaros – Riachinho- Jaguaruna – SC – CEP 88715-000 – (48) 3624-1489